Arquivo de abril \30\UTC 2012

aqui no rio
até o frio
é meio cool

o que me restou
foi fazer poesia
e separar o sutil
do espesso
mesmo em meio
a tanto tropeço

é muito tapume
pra pouca obra

assim nas ruas
como nas almas