nada demais

como se alguém conseguisse
fazer quase nada
o tempo todo
e pudesse mastigar a vida
como chiclete
vais assim, leviandando
como se não me ouvisse
disparando meus mísseis
tão banais quanto tristes

1 Response to “nada demais”


  1. 1 cochise janeiro 29, 2009 às 11:12 pm

    quixotesco.wordpress.com
    descritor.blogspot.com

    Acho que o comentário anterior foi considerado spam por causa de links… Dá uma olhada.


Deixe uma resposta para cochise Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Comentários

Angelo Cuissi em (quem sabe um dia) viramos…
Juliana em
Dhyogo Henrique em
mabru em
Angelo Cuissi em moeda

%d blogueiros gostam disto: