Arquivo de julho \25\UTC 2008

corpoforativismo

o pastor que
me perdoe
mas todo rebanho
só quer ser
o que se é

no fundo
no fundo
todo boi que
eu conheço
é contra filé

desalinho

no meio da pedra

o caminho

que eu,

no auge do meu

desalinho

sigo seguindo

sozinho

pelas vias aéreas

a gentileza do acrobata

com o ar

é tão sincera

que faz até levitar