Arquivo de agosto \30\UTC 2007

epitáfio em pessoa

se viver for

só isso

dia desse

eu enguiço

Paulo e Mariana

que o amor seja a lei,

a ordem do dia, do mês,

do ano e da vida

que o futuro seja longo

e tenha saúde e

tenha sentido e respeito

que venham frutos e

que nasçam flores ao longo

do caminho

e que o amor seja e esteja

no início, no meio e

no fim de tudo

sossego do ego

moleque sagaz,

para quem tanto

já fez,

tanto faz

pra mim agora é

“basta, eu quero é paz!”

26 de abril

o poeta se fez sutil

e partiu pra ser

estrela em outros

céus

vivia então o amor

e o futuro

mas o sonho foi breve,

a noite foi longa,

e ele não mais

despertou

o poeta, do contra,

nos confundiu,

partiu pra ser eterno

e dormiu,

sutil

sobrevida

melhor escolher

luz

sombra

do que herdar

as sobras

Poema de Rodrigo Trindade, que no dia 1 de maio “partiu pra Ser” eterno.

Obrigado ao Flávio Lemos, poeta e “cavalo”.