uma canção

  

acordo… mais um dia

manhã de olhos abertos e

pálpebras de asas de borboleta

que batem, piscando,

acostumando com o brilho pouco

da penumbra, lusco-fusco

n’alvorada da beleza

do teu corpo ao meu lado

  

quem me dera a eternidade

da ternura que dura

  

quem me dera viver o sonho

em vez de meramente sonhá-lo

  

quem me dera

exatamente isso que, juntos,

somos e somamos,

cansados, calados, colados

inaugurando um novo amor

 

0 Responses to “uma canção”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Comentários

Angelo Cuissi em (quem sabe um dia) viramos…
Juliana em
Dhyogo Henrique em
mabru em
Angelo Cuissi em moeda