MSM

quando um poeta fica
sem musa
o eu-lírico abusa
bebe muito
fica doidim
e rima

pelo menos assim
entre as palavras
rola um clima

Anúncios

1 Response to “MSM”


  1. 1 Letícia agosto 30, 2006 às 7:40 pm

    Quando leio versos assim fico achando que o bom de ser poeta é que ele é um cara que sente, mas que consegue desbafar em poucas palavras um montão de sentimentos. E todo mundo entende.

    Eu te admiro!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Comentários

Angelo Cuissi em (quem sabe um dia) viramos…
Juliana em
Dhyogo Henrique em
mabru em
Angelo Cuissi em moeda
Anúncios

%d blogueiros gostam disto: